Já pensou que Marketing pode ser a profissão certa pra você?

 

Misturando conteúdos da Administração e da Publicidade e Propaganda, o graduado em Marketing trabalha na gestão e elaboração de estratégias de vendas que atraiam e mantenham clientes. – 

 

Conversamos com Sabrina Nunes Alves, que tem 19 anos e cursa Tecnólogo em Marketing na UniRitter de Porto Alegre, e com Camila Müller, de 26 anos, formada em Administração com ênfase em Marketing pela ESPM de Porto Alegre. Bora conhecer um pouco mais?

Marketing? Por que não?

Sabrina nos conta que pensava em cursar Publicidade e Propaganda, mas, por incentivo de uma prima, optou pelo curso de Marketing: “Minha prima disse: ‘Porque tu não faz marketing? Não é a mesma coisa, mas tem relação entre as duas, pode te formar em Marketing primeiro e depois cursar Publicidade e Propaganda’”.

4Sabrina com os colegas em um evento sobre tecnologia e mercado. Arquivo pessoal.

Para Camila, a motivação veio de uma união de vontades: “Eu procurava um curso onde eu pudesse explorar minha criatividade, mas ao mesmo tempo eu queria trabalhar em uma empresa”.

Ela conta que não escolheu Publicidade e Propaganda, por exemplo, porque o curso de Marketing dá uma ideia maior de gestão, enquanto Publicidade é mais voltado para questões de marca e produto.

 

O Marketing estuda formas de vender um serviço ou um produto e isso exige muita criatividade e perspicácia; foi algo que eu procurava em um curso, que fosse desafiador e que eu pudesse efetivamente colocar em prática esses meus atributos e, ao mesmo tempo, pudesse trabalhar no mercado.”

 

Como é o curso?

Falando sobre a rotina do curso, Sabrina garante que não precisou estudar muito (até agora): “A questão é prestar bastante atenção na aula, nas explicações do professor, e olhar diariamente os cases proporcionados pelo professor no portal do aluno”.

Já Camila conta que pra ela foi bem puxado, em especial por causa das atividades práticas do curso:

 

A média era 7 e não tinha recuperação. Nós tínhamos muitas atividades práticas com empresas. A ESPM tem um banco de empresas que pede serviços de marketing para a instituição e nós, alunos, supríamos isso dentro das disciplinas. Por exemplo: eu tive que fazer plano de marketing, plano de construção de marca, plano estratégico, tudo isso dentro do marketing para empresas de verdade e estando na graduação, então era um curso bem prático e demandava bastante tempo”. 

 

A interação entre os alunos, a troca de opiniões, ideias e experiências é a parte preferida de Sabrina no curso. Ela garante que até o momento as suas expectativas estão se realizando: “Ainda não me formei, mas estou obtendo bastante conhecimento, está agregando bastante experiências na minha vida”.

3Sabrina nos contou sobre uma experiência bem legal que teve durante o curso. Um dos seus professores elaborou uma saída de campo com a turma para um evento da área. Arquivo pessoal.

Camila curtiu muito a ideia de fazer planos estratégicos e planos de marketing, voltados para empresas de verdade:

 

– “Foi assim que eu aprendi. Pra entender o Marketing tu tem que estar no mercado”. Ela conta que a universidade onde ela estudou proporcionou essa conexão direta com as empresas, o que ela garante que foi fundamental. –

 

Porém ela admite que sentiu dificuldade em trabalhar e vender produtos com os quais ela não tinha afinidade, e que essa foi a parte que ela menos curtiu: “Trabalhando nessa área, tu tem que vender o produto ou serviço da empresa, e muitas vezes tu não concorda 100% com o que tu tá vendendo. Aí tu tem que ser profissional e fazer o produto ser vendido”.

É legal você saber

Sabia que existe mais de uma opção de curso de Marketing?

Você pode fazer bacharelado, que dura em média 4 anos e engloba as principais áreas de estudo, como direito (industrial, corporativo, de varejo e de serviços), gestão de negócios, de preços e custos, além de Sociologia, Economia, Estatística e Psicologia.

Existe também a opção de um curso Tecnólogo (que também é uma graduação), mas tem 2 anos de duração e é voltado para a prática profissional. Além disso, alguns dos cursos já são voltados para uma área mais específica, como Marketing Digital ou Marketing de varejo (ou como para a Camila, Administração com ênfase em Marketing).

Por fim, existem os cursos de Pós-Graduação como Especialização ou Mestrado, por exemplo, para você fazer depois de se formar na faculdade.

É preciso estar sempre antenado

Sobre o mercado de trabalho, Sabrina conta que, no início do curso, teve um pouco de dificuldade em conseguir uma vaga de estágio na área, já que as empresas exigiam alguns semestres de estudo.

“Somente no 3º semestre consegui emprego, no qual estou até hoje. Porém, acredito que ultimamente há muitas vagas na área de Marketing – mas é preciso sim, ter experiência”.

 

– Para Camila, o mercado de trabalho foi o principal motivo que fez ela trocar de área de atuação: “O mercado do Marketing é muito saturado e muito concorrido”. Ela conta que muitos colegas acabaram se mudando para São Paulo e Rio de Janeiro, buscando mais oportunidades de trabalho. –

 

“Eu conclui o curso e resolvi mudar de área e fazer mestrado em gestão de pessoas, mas o Marketing me proporcionou uma visão de como as coisas funcionam, uma visão de gestão muito apurada, e eu utilizo o que aprendi ainda hoje, mesmo não trabalhando diretamente na área.”

Se ela recomendaria estudar Marketing? Camila responde: “Com certeza, mas é um curso pra pessoas bem criativas e que realmente vão atrás. Não é um curso pra pessoas acomodadas; tu tem que estar sempre se atualizando, tem que saber outro idioma, tem que ter uma veia artística para a criação, tem que entender de gestão”.

Sabrina indica a graduação e diz que, especialmente para “quem gosta de lidar com pessoas, relação de vendas, quem gosta de pôr em prática a própria criatividade, é uma boa opção de curso. Realmente tem que gostar do que faz; se você gosta, vai ser prazeroso e vai agregar bastante na sua carreira futuramente, sem falar que é um mercado que cresce bastante.”

Dicas, pra que te quero!

Camila e Sabrina dão ótimas dicas pra quem está a fim de cursar Marketing:

  • Se mantenha atualizando(a) fazendo cursos, estudando idiomas (em especial o Inglês) e estando antenado(a) nas tendências de mercado;
  • É preciso ter jogo de cintura e ser profissional: talvez você tenha que trabalhar com uma empresa com a qual você não concorda 100%;
  • Você vai precisar de criatividade: leia, aprecie obras de arte, veja filmes, quadrinhos, escute música.

E aí, curtiu conhecer a visão da Sabrina e da Camila sobre o curso de Marketing? Nos conta o que você achou! A Série Profissões continua aqui pra dar aquela força na hora de escolher seu curso de graduação. 👊👊👊