Você tem dificuldade em organizar suas atividades e concluir suas tarefas em tempo? Esquece das coisas que tinha pra fazer ou então não distribui bem seu tempo de estudo? 

 

Nós te apresentamos o Bullet Journal, método desenvolvido por um designer para planejar e registrar ideias e coisas a fazer. – 

 

O Bullet Journal foi criado por Ryder Carroll, um designer de produtos digitais nova-iorquino. A partir de sua experiência e de relatos de colegas, Ryder percebeu que profissionais que lidavam com tecnologia estavam voltando a usar papel para registrar e organizar suas atividades, ideias e compromissos.

Por onde eu começo?

 

O sistema é simples: você vai precisar de um caderno, canetas e um pouco de dedicação. – 

 

Não precisa comprar um caderno novo, você pode começar em qualquer página (o que é ótimo para não desperdiçar aquele monte de páginas que acabam sobrando nos nossos cadernos).

Ryder propõe que você utilize a primeira página para fazer um índice do seu caderno. Como seu Bullet Journal é um trabalho em construção, você vai preenchendo o índice conforme vai escrevendo, numerando as páginas para que ache de forma mais fácil suas anotações.

bullet-3Página de índice de um Bullet Journal. Bullet Journal.

Na página seguinte, é só você escrever a data e fazer uma lista das coisas que você tem para fazer nesse dia. Ryder propõe alguns símbolos para organizar suas atividades, que são a grande sacada do método.

bullet-1Exemplo de organização para um dia da semana. Bullet Journal.

O que cada símbolo significa?

Pontinho = tarefas (exemplo: arrumar o armário; ligar para a tia Maria);

Círculo = evento ou tarefa que tenha data determinada (exemplo: aniversário da Fê; assinar o contrato; pagar o telefone);

–  Hífen = nota ou informação importante, ideia, observação.

Nas tarefas, você pode dar um X quando ela for concluída ou colocar um > quando for transferida de dia. Nos seus eventos, você pode marcar um < quando forem programados para outro dia específico. Se você não precisa mais fazer a tarefa, bastar riscar da lista! Comece por essas ideias básicas e crie novos símbolos conforme a sua necessidade.

Algo a mais

Ryder ainda sugere três símbolos para destacar suas atividades mais importantes:

* Asterisco = para enfatizar o que for prioridade;

! Ponto de exclamação = inspiração;

Olho = Quando uma informação requer mais pesquisa ou você precisa “ficar de olho”.

bullet-2Exemplo de símbolos utilizados para organizar as atividades. Bullet Journal.

O Bullet Journal pode ser usando para planejar seu dia, sua semana, seu mês, projetos ou lista de estudos. Você pode organizar listas de informações úteis, senhas e endereços. Além disso, pode ser uma ótima forma de manter controle sobre seus gastos, atividades, o que comeu, livros que quer ler, filmes e séries que quer assistir.


bullet-5Exemplo de organização de alguns dias da semana. Bullet Journal.

bullet-4

E de um mês inteiro! Bullet Journal.

Não dá um alívio ver as tarefas todas organizadinhas assim? – 

 

E se você tiver algum talento para as artes, pode transformar seu Bullet Journal numa verdadeira obra prima, fazendo ilustrações e decorando suas páginas. Olha só esses exemplos lindos que a gente separou pra você!

success-aestheticsPraticar a caligrafia pode deixar seu Bullet Journal mais estiloso. Success Aesthetics.

cristina-barretoAproveite para soltar a criatividade nas páginas do seu caderno. Cristina Barreto.

boho-berrySe você tem talento para desenhar, seu Bullet Journal pode servir para fazer esboços e praticar também. Boho Berry.

Curtiu nossa sugestão para organizar as suas tarefas? Quem sabe essa técnica pode te dar uma forcinha nas suas metas de estudo? Conta nos comentários como você faz para se organizar e aproveite para conferir outras Dicas de Estudos aqui! 📖