Aprender Inglês costuma ser um desafio para a maioria das pessoas, já percebeu? Se tornar fluente em qualquer idioma envolve muito mais do que simplesmente assistir à aulas. O ideal é colocar a língua na sua rotina, nos pequenos hábitos – aqueles que a gente não vai nem perceber, mas vai estar pensando em Inglês. E foi com a intenção de te ajudar nisso que essa lista surgiu.

5 hábitos muito simples para aprender Inglês sem precisar estudar

1 – Pensar em Inglês

via GIPHY

Como assim pensar em Inglês? É um exercício de pensar um pouco como criança, refletir sobre todo o entorno e ficar repetindo internamente o que está acontecendo. O objetivo aqui é conseguir chegar num nível de naturalidade que o pensamento naturalmente vai ser em Inglês e você não vai nem perceber.

2 – Colocar o celular (e Facebook, Instagram, Twitter…) em Inglês

via GIPHY

Ir nas configurações do celular e mudar a língua para Inglês. Isso vai ser um exercício constante de aprendizado de novo vocabulário, já que a gente sempre tá mexendo no celular e vai ser obrigado a ler e descobrir o que aquilo significa – ou a sua experiência com o celular vai se tornar bem difícil. A mesma coisa vale para o Facebook, o Instagram, o Twitter e qualquer outra rede social que você use bastante.

3 – Assistir à séries e filmes sem legendas (ou com a legenda em Inglês)

via GIPHY

Uma das melhores formas de aprender como as pessoas realmente conversam em Inglês é assistindo séries ou filmes e prestando bastante atenção nos diálogos e interações. E, para ajudar, separamos 3 filmes e 1 série para caso você queira testar sua compreensão!

  • Friends
  • A Rede Social
  • Shrek
  • O Poderoso Chefão

4 – Ouvir suas músicas favoritas (em inglês) e pesquisar a letra

via GIPHY

Você tem alguma música favorita em Inglês? Sabe a letra dela? Então, essa é uma das formas mais legais de aumentar seu vocabulário: escolha uma música que você adore, ouça bastante e preste muita atenção na letra. Depois pesquise a letra, a tradução e comece a refletir sobre ela. Ouça de novo, tente entender o que o cantor está dizendo e comece a ligar as palavras traduzidas com as ditas. Depois, tente cantar (vale imitar o vocalista) para praticar a pronúncia das palavras.

5 – Ler (e escrever) em Inglês

via GIPHY

Ler (e escrever) é importante, nesse caso, para conviver um pouco com a parte mais formal do Inglês. Mas não é para ser algo sofrido e, por isso, o melhor é encontrar uma leitura adequada ao seu conhecimento e que você goste (qualquer livro já vale, até infantil). Uma dica é a edição original (em Inglês, né!) de Alice no País das Maravilhas, pois o livro é cheio de significado, nos leva a muitas reflexões e ótimo para aprender mais palavras.