Nem só de belas praias se faz Aracaju. Apontada como a capital com menor desigualdade do Nordeste Brasileiro, é uma das cidades brasileiras com os hábitos de vida mais saudáveis. Além disso, tem uma enorme rede de ciclovias que são um exemplo nacional.

Vem com a gente conhecer um pouco mais sobre a “Capital Universitária Nordestina”!

7Vista aérea da cidade. Turismosergipe.net.

Fundada em 1855, foi a segunda capital planejada do Brasil. Seu formato lembra um tabuleiro de xadrez, tendo como centro a região onde hoje é a praça da Catedral. Nessa área, havia vários cajueiros onde papagaios e araras pousavam para comer e descansar. A capital do Sergipe tem seu nome originado do termo tupi que significa “cajueiro das araras”.

Oceanário

O Oceanário de Aracaju foi inaugurado em 2002 e é o primeiro Oceanário do Nordeste (o quinto do Brasil). Criado e administrado pela Fundação Pró-Tamar, é uma ótima pedida para quem quer aprender um pouco mais sobre Biologia, Ecologia e a preservação do Meio-Ambiente.

5Um dos tanques de tubarões do Oceanário. Projeto Tamar.

Seu prédio na forma de uma tartaruga gigante é um dos atrativos turísticos da revitalizada Orla de Atalaia, entre espelhos d’água com pontes, calçadão, ciclovia e espaço para exposições, shows e esportes aquáticos.

1Orla da Atalaia. Turismosergipe.net.

4Prédio do Oceanário. Projeto Tamar.

Você pode agendar uma visita orientada, com acompanhamento de um monitor capacitado pelo Tamar. Além disso, o Oceanário conta com palestras e a exibição de vídeos sobre o programa nacional de conservação das tartarugas marinhas e sobre o ecossistema do litoral sergipano e a importância do cuidado com o meio ambiente.

 

– Cerca de 70 espécies diferentes – entre elas arraias, tubarões, moréias, xaréus, caranhas, vermelhos e meros – , todas nativas de Sergipe, ficam expostas em 18 aquários de água doce ou salgada. – 

 

8Uma das tartarugas do Oceanário. Projeto Tamar.

Os visitantes ainda podem tocar em várias espécies de invertebrados, crustáceos, moluscos e peixes, sempre com a orientação de um monitor. Diariamente, às 16h30, os visitantes podem acompanhar e ajudar o monitor a dar comida aos tubarões.

3Alimentação dos tubarões. Projeto Tamar.

Museu da gente Sergipana

Usando tecnologias e linguagens inovadoras, o Museu da Gente Sergipana apresenta aquilo que Sergipe tem de mais essencial, seu povo. Aberto em 2011 no antigo prédio do Atheneuzinho, que foi totalmente restaurado, é um espaço cultural voltado à interpretação da identidade do povo sergipano.

2Fachada do Museu da Gente Sergipana. Marcelle Cristine.

Saiba mais sobre a restauração do prédio aqui.

 

– Com exposições permanentes e temporárias, tem como proposta de mapear, registrar e proteger o patrimônio cultural, seja ele filmes, vídeos, fotografias, música, e tantas outras formas de manifestação cultural. – 

 

6Tunel interativo com projeções em 360º. Museu da Gente Sergipana.

A palavra-chave é interação! A exposição Nossos Leitos apresenta um túnel com projeções em 360º exibindo a diversidade da fauna e da flora sergipana, proporcionando uma imersão do visitante. Já na exposição Nossos Pratos, o visitante pode se divertir com mesa interativa onde é possível preparar os principais pratos da culinária sergipana.

Já a Josevende é uma instalação interativa cuja cenografia representa um feirante virtual típico das feiras do Sergipe, com quem o visitante pode interagir.

Se liga na Agenda!

Oceanário

  • O que: Oceanário de Aracaju
  • Quando: diariamente das 09:00 às 21:00
  • Onde: avenida Santos Dumont, 1010, Atalaia
  • $$: R$ 18,00 | meia entrada: R$ 9,00 (estudantes com carteira, crianças acima de 1m e idosos acima de 60 anos). Portadores de necessidades especiais e crianças de até 1 metro não pagam
  • Mais info

Museu

  • O que: Museu da Gente Sergipana
  • Quando: de Terça a Sexta, das 10h às 16h | Sábado, Domingo e Feriado, das 10h às 15h
  • Onde: Ivo do Prado, 398 – Centro,
  • $$: Gratuito
  • Mais Info
  • O que: Palácio Museu Olímpio Campos
  • Quando: de Terça a Sexta-Feira, das 10h às 17h | Sábados das 9h às 13h
  • Onde: Praça Fausto Cardoso, Centro
  • $$: gratuito
  • Mais Info

Ar livre

  • O que: Croa do Goré
  • Quando: agende pelo site
  • Onde: Orla Pôr do Sol
  • $$: 60,00
  • Mais Info
  • O que: Orla de Atalaia
  • Quando: sempre
  • Onde: Avenida Santos Dumont
  • $$: gratuito
  • Mais Info

Curtiu nossas sugestões de entretenimento com conteúdo em Aracaju? Comenta e nos conta a sua opinião. Bora visitar o Sergipe e as outras capitais que a gente apresentou no Conexão Cultural? \o/